This group will be shown on the front page.

18 de Janeiro

A característica essencial é a unidade, a concórdia; e a concórdia, em seguida, dura se triunfam humildade e caridade; deles nascem a tolerância, o perdão dos pequenos ruídos que podem passar”.

(S. Leonardo Murialdo, Escritos IX, p. 234)

17 de Janeiro

Nunca deixe passar um dia sem rezar a esta Senhora, que como nossa mãe não sabe negar-nos as graças que lhe pedimos, e como Mãe de Deus consegue o que quer de Deus”.

(S. Leonardo Murialdo, Escritos VII, p. 332)

16 de Janeiro

“São José é para nós aquele fiel e prudente servo, a quem Deus confiou a sua Família e do qual nós temos que tomar direção e exemplo”.

(Il fine, p. 34)

15 de Janeiro

1990: HERMOSILLO, (MÉX), Paroquia “Santa Isabel de Hungría”
Somos todos uma mistura de benefícios divinos. Nossa vida: um tecido, uma cadeia de benefícios divinos”.

(S. Leonardo Murialdo, Escritos III, p. 243)

14 de Janeiro

“Se lê nos livros de devoção, se prega do púlpito que Deus tanto amou os homens, mas não se reflete que é no presente, agora, neste momento que Deus nos ama verdadeiramente e infinitamente”.

(S. Leonardo Murialdo, Testamento, p. 111)

13 de Janeiro

“Qual grandeza de amor em Deus por mim! E eu, que amor deveria ter por ele? Deveria amá-lo com amor infinito!”

(S. Leonardo Murialdo, Testamento, p. 119)

12 de Janeiro

A humildade leva os Josefinos a encontrar alegria numa vida pobre e oculta. A caridade os ajuda a transformar cada comunidade numa família semelhante à de Nazaré; a doar-se com todas as forças aos jovens carentes; a promover a paz e a concórdia entre todos os que colaboram para a vinda do Reino de Deus”.

(Const. 6)

10 de Janeiro

1939: VILLA NUEVA DE GUAYMALLEN (Mendoza), AR, “Instituto Murialdo”

“Fiéis ao carisma que o Espirito doou a Murialdo, os confrades vivem a própria vocação com a certeza de que Deus os ama em cada instante de modo infinito, gratuito, pessoal, terno, sobretudo misericordioso, e que toda a sua existência é guiada por Ele”.

(Const. 4)

8 de Janeiro

A congregação é chamada a ter a honra de representar e reproduzir entre os homens a querida Família de São José, em que a caridade mais ardente do Filho de Deus se refletia continuamente no seu Santo Guardião e na sua dulcíssima Mãe”.

(Haec fratribus, p. 66)